Carros Ford, Chevrolet e Citroen e Seu Sistema de Ar Condicionado

Vamos falar hoje sobre alguns modelos de carros, de marcas como Ford, Citroen, Chevrolet e outras que demos manutenção no ar condicionado.

Esse Vectra trocou o radiador no mês passado, desmontou, mexeu bastante coisa e a gente vai ver o que aconteceu. Aqui, amanhã nós iremos colocar um condensador no Eco Esport, um condensador de ar do carro, no Picasso, vamos concertar a mangueira, pois está vazando, a abraçadeira pega muito na mangueira do ar-condicionado.

Aqui, a troca do radiador movimentou a mangueira, você balança, vai mexer com radiador, mexe naquela região, vai tirar os elétricos, um pouco que movimenta, já vazou; aqui a gente vai concertar essa mangueira. O que a gente faz: já cripou a mangueira, colocou aqui uma malha térmica, uma mangueira térmica e agora o David vai cortar aqui, vai substituir por essa, daqui a pouco monta lá e está pronto.

E a bancada elétrica, vocês vão ver daqui a pouco, eles vão fazer testes, tem teste de elétrica aqui. Ligou a chave de ignição, vai/vamos até carregar essa partilha um pouquinho, essa bateria; chave de ignição, liga ar condicionado, liga a ventoinha, liga a ventoinha 2; a gente vai fazer tudo isso aqui, vai ter aula de elétrica, todos os reles ligados aqui, está tudo exposto pro aluno saber aonde que vai, eu vou desligar tudo, no final do curso, ele vai aprender a ligar tudo isso aqui sozinho, pressostatos. Eles vão conhecer um pouquinho do ar digital, está saindo um ventinho aqui já, está saindo quente, vai sair frio, os flaps estão se mexendo, os stamps estão funcionando. Eles vão conhecer o sistema para aprender a fazer teste de resistor.

Vocês veem eu falar muito em revisão de ar-condicionado, um caso típico, eu consertei um compressor de ar-condicionado há 1 ano atrás, aí agora deu problema na mangueira, e o problema na mangueira com certeza foi durante a substituição do radiador, movimentou, e agora é trocar a mangueira; eu conserto, nem cobro nada, sou garantia pro cliente, porque pelo menos não gera transtorno, então eu prefiro num caso desses, quando você pegar um carro velhinho, um carro que tem 15 anos de idade (ou mais que 15 anos), faz uma revisão geral, uma revisão num ar-condicionado, mesmo que a mangueira não foi… (falha até minha), quando eu troquei o compressor, eu deveria falar assim “olha, eu vou dar uma revisão geral no carro, fica 2.000,00”, trocaria, faria o conserto do compressor, substituía todo o sistema de borracha e, pronto, não estaria tendo esse transtorno, mas tudo bem, aqui eu mostro meus louros e também meus problemas, eu não escondo.
E você que quer vir fazer o curso, você que já fez o curso em outra cidade, você que já fez o curso em outro estado, você que já fez o curso em outro local, e pensa “puxa, não estou seguro, gostaria de fazer o curso aí com vocês do blog, acho que poderia ser legal”, o que a gente puder ajudar, pode contar com a gente, não fica constrangido, não fica com vergonha, pode procurar a gente, o que a gente puder fazer para te auxiliar para fazer um curso desse, mostrando os defeitos, vocês ajudando a gente a resolver o problema, quer passar uma semana coma gente também aqui, pode agendar, nós estamos aqui para te ajudar.
Na estação, aprofundando muito mais os conhecimentos de física, aqui é uma unidade de condensação, alguns já tiveram os conceitos de física.
Instrutor: …60 ou 100 gramas para tirar aquela dúvida que a gente falou das pressões aqui.
Aluno: eu poderia purgar aqui? Ou não?
Instrutor: pode, deve.
Aluno: no caso dessa demonstração, porque não está com vácuo no sistema.

Instrutor: é possível você trocar o vazamento, você tem uma prensa… você pode tentar uma forma de tirar esse rolamento, então… tudo isso aqui é ferramenta de prensa…
Instrutor 2: agora vocês podem dar outro cordão aqui, vou preparar mais conexões para vocês.

Instrutor: a quarta velocidade não tem resistor, ela é direta. Uma outra sacada que a engenharia fez, quando eu quero que ela funcione com 12 volts, e eu quero que minha corrente fique circulando nessa malha, eu quero que minha ventoinha funcione nessa malha… 87A é o mesmo que o 30 quando ele está normalmente fechado.
Foi uma tensão lá, e desligou muito rápido, em menos de meio segundo. Divide um segundo por dois, é meio segundo, divide meio segundo por 2, é 250 milissegundos, vocês já não conseguem ver com o multímetro.
Está vendo? Ele está ligado; a hora que essa energia bobina, ele desligado está cheio de corrente elétrica, a tensão vai descarregar.
Pessoa: o Sergio está dando uma aula de elétrica pro pessoal, os conceitos de multímetro, rele, ventoinha… Esse carro é um Eco Sport que foi trocado o condensador, o pessoal acabou de fazer o vácuo dele, depois eles vão retornar aqui, fazer a carga nesse carro.
Nesse daqui, fizemos a troca do compressor dele. Daqui a pouco nós vamos mostrar uma aula de transdutor usando o Uno, mas porque ainda faz uso de pressostato.

Instrutor: agora vamos ligar o rele aqui.
O… tem 14 volts pela bateria, só que esses 14, liguei a primeira velocidade, está vindo 3, o resto dos 14 está no resistor, 10 (quase 11) com 3,70.
Se ele continuasse com negativo, negativo com negativo não acende. Então, a chave tem negativo, a hora que eu acionar, esse negativo está indo para aonde? Vamos seguir o fio.

Pessoa: o pessoal aqui está numa aula de teste de transdutor. Está abrindo o módulo, localizando o pressostato, e vão testar os sinais.
O álcool perfuma as bactérias.

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *